top of page

Os avanços da ciência para curativos específicos pra quem tem EB





Mas já pararam para pensar sobre o quanto a ciência já avançou no que diz respeito aos curativos para quem convive com a EB?


Curativos adesivos devem ser evitados, pois é comprovado que há chance de que a pele vulnerável da borboleta fique grudada, o que causaria desconforto. Outro ponto importante é que a ciência já determinou que a insuficiente produção de colágeno é uma das causas das lesões na pele.


É por isso que um dos curativos mais recomendados para trazer qualidade de vida para as pessoas com EB é o UrgoTul, e isso a ciência comprova!


Por meio da sua composição, a Matriz Cicatrizante TLC – base dos curativos da @urgomedicalbrasil – cria um ambiente úmido, ideal, sustentado e favorável para a multiplicação de células chaves, como colágeno, ácido hialurônico e GAGs, que são essenciais para o processo de regeneração da pele das borboletas.


O curativo UrgoTul é composto por uma malha 100% poliéster e impregnada com a Tecnologia Lípido Coloide. Logo, a cobertura não adere ou prejudica a lesão, permitindo remoção atraumática sem causar danos para o tecido recém-formado, cuidado ao longo do tratamento sem dor para a pessoa com EB, além de proteger as bolhas de agressões externas.


Podemos ver o quanto a linha UrgoTul é voltada ao conforto das borboletas, tudo isso embasado em testes clínicos e na ciência! Você já utilizou algum curativo?

17 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page